Segunda-feira, 27 de Fevereiro de 2017

TU!

Sei que estavas à espera de ver um texto sobre o cinema que assistimos ontem ou algo sobre videojogos, mas não.

O título é completamente diferente do que estavas à espera, e não o vou explicar. No fim vais entender.

Não me sai da cabeça voltar a escrever sobre jogos, pois é um gosto peculiar que sempre tive e agora mais do que nunca estou a sentir falta disso por estar tantos anos sem escrever ou publicar nada no meu blog.

Mas no meio de tantas novas ideias para escrever sobre seja o que for dou por mim a pensar que tu é que me deixaste assim.

 - Como assim? Não estou a perceber. Acabas por te perguntar.

Eu respondo; inspirado

 - Tu és a minha inspiração.

É verdade, eu não sabia, mas descobri. A cada dia que passa eu dou por mim a olhar para ti, a olhar não, a admirar-te. Como é que um ser tão lindo e perfeito pode enxergar defeitos em si próprio. Não percebo. Não percebo porque sou homem, e os homens são assim. Têm defeitos.

Mas quando olho para ti e estás a fazer as coisas mais simples do dia a dia, eu esqueço-me do presente, mergulho no meu pensamento e viajo anos luz enquanto olho para os traços do teu rosto, do teu cabelo ondulado e no fim do teu sorriso.

E esse sorriso?! Quando o faço sobressair na tua boca perfeita é quando me sinto mais homem, mais do que nunca!

Bom dia!

sinto-me: Com sono, vou dormir!!!
publicado por Nelson Roque às 09:30
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 17 de Novembro de 2015

EM MEMÓRIA DOS MODERN TALKING 2

Modern Talking, banda pela qual escrevi um artigo e publiquei, juntamente com um videoclipe, aqui no blogue.

Quando criei este blogue foi com a intuição de falar unicamente sobre videojogos, o meu passatempo favorito desde criança. Entretanto com o tempo vim abrangendo novos temas para o cantinho cá da casa.

Um passatempo que nos tira muito tempo, mas lá ia tirando tempo para escrever no blogue que estava crescendo a cada publicação, mais visitas traziam mais comentários.

Mal sabia eu que a publicação que viria a ter mais sucesso neste cantinho sem tarelo seria uma memória da banda dos anos 80, Modern Talking.

Escrevo este artigo surpreso ao olhar para as estatísticas, Em Memória Dos Modern Talking, foi o artigo com mais visitas e comentários. Hoje, continua sendo o mais visto e visitado diariamente. Fico surpreso por ter tanto sucesso num blogue de videojogos.

Na altura pensei que tanto sucesso seria temporário, e fiz outra publicação como se fosse uma sequela do dito com o nome Modern Talking Para Sempre, mas não teve tanto impacto.

Em 2007 as coisas eram diferentes 10 anos depois claramente que cresci, amadureci mas o gosto por esta incógnita banda dos anos 80 não se abafou.

Sem mais demoras caros leitores e ouvintes fiquem com Just Like an Angel dos Modern Talking.

 

 

música: Dire Straits - Sultans Of Swing
publicado por Nelson Roque às 16:36
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 3 de Fevereiro de 2015

Halo 4: SWAT GAMEPLAY KILLIMANJARO AND RUNNING RIOT

Ora fiquem com mais um vídeo de Halo 4, onde mostro um jogo que ora correu-me bem. Espero no futuro poder trazer mais uns vídeos destes.

 

 

 

publicado por Nelson Roque às 18:46
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 24 de Fevereiro de 2014

HALO 4 - SWATS 41 KILLS (MULTI-KILLS)

 

sinto-me:
publicado por Nelson Roque às 13:48
link do post | comentar | favorito
Sábado, 11 de Maio de 2013

HALO 4: PERFECTION - UNTOUCHABLE

sinto-me: Vou mas é jogar Halo 4!
publicado por Nelson Roque às 13:36
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 18 de Outubro de 2012

200 POSTS E 1100 SUBSCRITORES

Meus caros leitores, já tenho 200 artigos aqui neste cantinho, 272 cometários e espero não parar por aqui. Quem dizia, depois de tantas dificuldades que isto já passou.

 

OBRIGADO a todos os que os que visitem o meu blog depois de tantos anos, este site já existe deste 2007 e o primeiro artigo foi publicado no dia 3 de março de 2007. O meu artigo mais comentado é o Em Memória Dos Modern Talking, num blog de videojogos ainda estou por saber como é que um artigo de música é o mais comentado, mas prontos passamos à frente.

 

Continuem a visitar e a comentar o blog porque isto não vai ficar por aqui.

 

Outro grande motivo para escrever este artigo foi o YouTube, já tenho 1100 subscritores com 2 546 429 visualizações no meu canal. O vídeo mais visto é o Fernando Rocha no Coliseu do Porto com 532 548 visualizações.

 

Já agora se ainda não és um dos meus subscritores subscreve para vídeos de videojogos, de comédia – mais propriamente vídeos do Fernando Rocha – outros de música.

 
 
 
 

Como gosto de escrever sobre videojogos vou continuar a escrever, embora não escreva tanto como queira, porque a vida não permite infelizmente. O meu canal vai continuar a crescer com novos vídeos sobre videojogos e tudo o que esteja à volta destes. O blog, como já disse, vai continuar a crescer em termos de conteúdo embora seja difícil escrever com mais frequência. Tenho feito tudo o que é possível para atualizar este espaço fiquem bem!

sinto-me:
publicado por Nelson Roque às 22:15
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 15 de Outubro de 2012

DISONORED É COMPRA OBRIGATÓRIA OU NÃO É?

 

Bethedda, produtora de jogos como Skyrim e Quake, confesso que não sigo o trabalho desta à muito tempo. Aliás o único que me agarrou mesmo foi o Quake III para o PC, na altura aquilo foi alto vício com os amigos online.


Títulos como o The Elder Scrolls eu sigo ao longe as noticias, as pontuações das análises (pois não as lia), entretanto não são aqueles videojogos que me despertam atenção como alguns conseguem ao longe.


Quando vi a nota máxima de Dishonored na Eurogamer disse – algo se passa aqui ou isto é um grande jogo – admirado com aquela nota fui logo ler a análise, a seguir fui ao YouTube ver este em acção e no fim a outras páginas da internet.


Outros sites deram ao título uma nota alta de 90% no mínimo, o Metacritic deu 91, de 0 a 100, o IGN atribuí 9.2/10, outro site o Destructoid ficou pelos 9/10.


Eh pá não é que o caramba do jogo até é interessante?! Algo que não estava à espera, é o que faz tirar afirmações só das imagens, eu pensava sempre em The Darkness quando via as imagens de Dishonored e como não gostei do The Darkness pesava que este era igual. A Bethedda criou uma mistura de FPS e RPG, mas não é um shooter qualquer, eu ainda não joguei mas penso que os produtores quiseram adicionar algo que os FPS ainda não experimentaram a fundo.


A equipa de produção teve membros que trabalharam em Half-Life 2, BioShock e Deus Ex, acho que não é preciso estar aqui a explicar que obras são estas só digo que são todos malta da pesada e que sabem o que fazem.


Não tarda vou jogar uma demo para tirar as conclusões finais sobre a compra, eu agora vou é dormir porque o sono está apertar depois de um dia de trabalho.

sinto-me: Daqui a nada é dormir!
publicado por Nelson Roque às 16:05
link do post | comentar | favorito
Domingo, 14 de Outubro de 2012

BORA LÁ VOTAR NOS LADRÕES

Então vamos lá votar? Podem ir, eu não vou. Nunca votei na minha vida, por várias razões. Não gosto de política e por isso não estou dentro do assunto. Sempre me ensinaram que votar era importante e que a escolha devia ser a melhor para Portugal.


Por isso fico em casa… E quem não sabe o que é a política eu passo a explicar "da melhor forma" com uma anedota do Fernando Rocha no programa «Levanta-te e Ri».


Atenção: A linguagem do vídeo é forte.



sinto-me:
publicado por Nelson Roque às 14:40
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 12 de Outubro de 2012

CAPCOM ONDE ESTÁ O MEU RESIDENT EVIL 6?

O meu lado gamer anda triste porque uma das minhas séries preferidas de zombies praticamente está transformada num third person shooter de acção.


Como se não bastasse (um dos pontos fortes da serie) a jogabilidade está pior, é confuso controlar o personagem porque o controlo da camara é mau. Os gráficos estão piores, com umas texturas mais borradas… Mas que raio o que é que aconteceu aos gráficos do Resident Evil 5? Onde é que estão aqueles efeitos de luz de por uma lágrima no olho? Aquelas texturas lindas e detalhadas ao pormenor?


Com as peças do puzzle todas montadas, já deve ter percebido que falo de Resident Evil 6. Certo?


Já conheci a série um bocado tarde, no quarto jogo, mas o que interessa é que tive uma experiencia inesquecível, adorei o Resident Evil 4. Tem das melhores mecânicas de jogo que alguma vez joguei. Foi um título que rapidamente entrou para o meu top 10 de favoritos sem grandes problemas, o quinto videojogo também não ficou atrás, este tem dos melhores cooperativos já feitos, se não estou em erro joguei este mais vezes em coop do que em single.


Tanto tempo à espera do Resident Evil 6 e saiu-me uma merda. Experimentei a demo, costumo escrever previsões das demos que mais gosto mas não penso em escrever sobre este, só se for para falar mal. Mas para isso a Internet tem as análises com as “lindas” notas atribuídas ao jogo da Capcom.


Raccon City (nem me atrevo a por Resident Evil nisto) não provou que os fãs de RE não querem um third person shooter? Mas sim um RE tradicional, com uma jogabilidade espectacular, uns gráficos de cair o queijo, uma história interessante que cativa a explorar e a jogar mais?!


A Capcom só será perdoada se colocar isto tudo no sétimo capítulo. Ainda não vi motivo para comprar este.

publicado por Nelson Roque às 17:08
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 10 de Outubro de 2012

ENTER THE FREEMAN

Enquanto desespero pelo próximo título com Half-Life no nome vou-me contentando com alguns vídeos feitos por fãs.


Eu não sou muito amigo de escrever artigos com vídeos amadores ou fotos amadores, por isso quando encontrarem algo assim vale a pena ver.


Como é o caso, este vídeo foi produzido por um grupo de fãs do jogo da Valve e tiveram apenas em mãos um orçamento de $3000. Segundo a Eurogamer o pequeno filme de 11 minutos foi produzido em duas noites numa casa de campo em Hollywood.


O resultado está muito bom, melhor que o vídeo amador que publiquei anteriormente, aliás este é o melhor vídeo de Half-Life que já vi feito por amadores. Dos 11 minutos pode-se tirar claras ideias para levar este videojogo ás salas de cinema.


 

Acorda Mr. Freeman, acorda. Chegou a tua vez!

publicado por Nelson Roque às 15:34
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim


ver perfil

seguir perfil

. 34 seguidores

pesquisar

Fevereiro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
28

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

posts recentes

TU!

EM MEMÓRIA DOS MODERN TAL...

Halo 4: SWAT GAMEPLAY KIL...

HALO 4 - SWATS 41 KILLS (...

HALO 4: PERFECTION - UNTO...

200 POSTS E 1100 SUBSCRIT...

DISONORED É COMPRA OBRIGA...

BORA LÁ VOTAR NOS LADRÕES

CAPCOM ONDE ESTÁ O MEU RE...

ENTER THE FREEMAN

arquivos

Fevereiro 2017

Novembro 2015

Fevereiro 2015

Fevereiro 2014

Maio 2013

Outubro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Fevereiro 2009

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

tags

todas as tags

favoritos

BUNGIE COMEMORA 20 ANOS

Novo: Reações

A Introdução De Heavy Rai...

RESIDENT EVIL 4 - THE EN...

EM 2010, QUERO JOGAR – R...

Em 2010, Quero Jogar – Sp...

Em Memória Dos Modern Tal...

Modern Talking Para Sempr...

Mega Destaque!

O Verão Vem ai… Oh La La!

links

blogs SAPO
RSS